::: Os melhores filmes evangélicos estão aqui. Fique conosco!!! :::





Mulher morta em tiroteio nos EUA pensava que estava sendo perseguida por Obama

3/10/13 - 15h31 - WASHINGTON - O Congresso americano foi fechado após disparos fora do complexo, informaram senadores no local. "Tiros foram disparados do lado de fora do Capitólio. Estamos bloqueados", escreveu o senador Claire McCaskill em seu Twitter.

Imagens transmitidas pela imprensa americana mostram vários veículos da polícia e dezenas de agentes no arredores do Congresso.

De acordo com a CNN, os disparos ocorreram após uma perseguição policial que começou perto da Casa Branca e terminou nas proximidades do Capitólio. A motorista teria saído do carro e os policiais teriam disparado contra ela. 

A suspeita, identificada como Miriam Carey, de 34 anos, sofria de doença mental. Remédios para esquizofrenia e outros distúrbios mentais foram encontrados em sua casa, e relatos apontam que ela poderia ter pensado que estava sendo perseguida pelo presidente Barack Obama.

globo.com
COMPARTILHAR:

+1

0 Response to "Mulher morta em tiroteio nos EUA pensava que estava sendo perseguida por Obama "

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial