::: Os melhores filmes evangélicos estão aqui. Fique conosco!!! :::





Evangélico, Thyago Santoro era Piloto de avião que caiu em MT


O piloto do bimotor de modelo Seneca, Thyago Santoro, que colidiu contra um paredão de rochas em Chapada dos Guimarães, a 65 quilômetros de Cuiabá, nesta quinta-feira (1º), que culminou na morte dele, do copiloto e de mais dois engenheiros do governo do estado chegou a pedir socorro antes do acidente. De acordo com o Corpo de Bombeiros chovia muito no momento do acidente. “A informação que chegou para nós de outros pilotos é que ele deu o código internacional de emergência e, logo em seguida, deu um grito. Depois disso sumiu um ponto do radar”, afirmou Oscar Coiado Júnior.


O acidente aconteceu no final da tarde desta quinta-feira. De acordo com o plano de voo, a aeronave saiu de Confresa, a 1.064 quilômetros da capital, com destino a Cuiabá. A 200 quilômetros de Cuiabá, o avião bateu em uma região de morro. Um chacareiro prestou auxílio às buscas pelos destroços da aeronave.

 “Já na região nós encontramos um chacareiro que avistou a asa do avião no entardecer. Ele nos auxiliou a encontrar o local onde o avião colidiu com o paredão. Nós começamos as buscas no local exato onde houve a colisão por volta das 4h desta sexta-feira e localizamos o avião às 06h”, confirmou o sargento do Corpo de Bombeiros, Adilson de Arruda.

O resgate dos corpos foi feito por meio da técnica de rapel. Uma equipe formada por policiais militares, Corpo de Bombeiros e peritos usaram cordas e ganchos para acessar as ferragens. A retirada dos corpos foi demorada e delicada. Além de Thyago Santoro, morreram dois engenheiros civis da Secretaria Estadual de Pavimentação e Transporte Urbano (Septu) e mais o copiloto.

Orlando Monteiro da Silva (58) e Sidney Benedito Nunes (57) tinham viajado a serviço para participar de uma reunião que havia discutido as obras de pavimentação da MT-322. O governador Silval Barbosa decretou luto oficial de três dias pela morte das vítimas. O quarto integrante da aeronave, um copiloto, não foi identificado oficialmente. Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML), em Cuiabá. Técnicos do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) já se deslocaram ao local para investigar as circunstâncias do acidente.

Aluno e professor exemplares

Thyago fez o curso de pilotagem profissional de aeronaves em uma universidade particular de Cuiabá. De acordo com o coordenador do curso, Henrique César Galina, o piloto foi o melhor aluno da turma. “Era o melhor aluno da sala. O Thyago era um profissional exemplar. Nunca teve problemas nas aulas, era cauteloso. Com certeza, tudo o que aconteceu foi uma fatalidade. A perda do Thyago é inestimável para a aviação brasileira”, afirmou.

Anos depois de concluir o curso, Thyago passou a dar aulas na mesma universidade em que se formou. Ainda de acordo com o coordenador do curso, Thyago dominava o inglês e era apaixonado pela aviação.

Nesta sexta-feira em que é celebrado o Dia de Finados, o piloto voltava para casa onde iria comemorar com a família o aniversário da mãe. Ele era evangélico e noivo. “Ele era uma pessoa extremamente simples. Era muito fácil de tratar com ele. É uma pessoa que já está fazendo uma falta danada. A gente está constrangido e realmente com o coração trincado com a perda desse excelente amigo e desse irmão que a gente tinha”, destacou Oscar Júnior.

Em uma rede social, Thyago chegou a refletir sobre a morte que, segundo ele, beira cotidianamente a vida dos pilotos. 

"Em ti (senhor) confio as minhas asas e enquanto não for a hora da minha partida, deixai-me voar de volta para os braços das pessoas que amo. E no dia que chegar a hora de partir, que estas saibam que não morri, porque aviadores não morrem, aviadores voltam ao céu por outras asas".

Escreveu Thyago em 2011.

Fonte: G1
COMPARTILHAR:

+1

0 Response to "Evangélico, Thyago Santoro era Piloto de avião que caiu em MT "

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial