::: Os melhores filmes evangélicos estão aqui. Fique conosco!!! :::





O suposto envolvimento de Malafaia com a maçonaria.

O assunto é antigo e veio à tona em matéria realizada pela Revista Enfoque Gospel, edição 72/2007, pag.79 e 79. Vários sites na rede, entre eles o CPR – Centro de Pesquisas Religiosas tem comentado a matéria citando a possível ligação de Silas Malafaia, outrora pastor da Igreja Assembléia de Deus na Penha, Rio de Janeiro, com o Rotary Clube e Lions Clube, entidades maçônicas de filantropismo.

A matéria da Revista Enfoque Gospel trás a seguinte redação:

Pastor Silas Malafaia da Assembléia de Deus na Penha, Rio de Janeiro, é intolerante quando houve falar que há cristãos associando essas instituições a maçonaria. “Coisa triste é ver um pastor ignorante. Tem muitos pastores falando do que não sabem. Só o conhecimento nos livra deste mal, por isso é bom se informar antes. É lógico que nós abominamos sociedades secretas, mas Rotary e Lions nada têm a ver com isso. São sociedades abertas, instituições sérias, éticas e que desenvolvem trabalhos importantíssimos junto a comunidade. Eu já palestrei nos encontros deles. Já fui convidado a participar. Só não participo porque não tenho tempo. Membrar-se ao clube, em absolutamente nada prejudicaria a nossa fé”.

No entanto, contrariando a afirmação de Malafaia o site maçom denominado Fraternidade revela:

“Maçons  famosos fundaram diversas entidades que prestam serviços a humanidade, vejamos alguns exemplos: Os escoteiros por Robert Baden Powell, os Clubes de Rotary por Paul Harris, os Clubes de Lions por Melvin Jones, os grupos de jovens DeMolays por Frank Sherman Land”.

Justamente por isso o assunto tem provocado grande polemicas no meio evangélico, causando duvidas em alguns e irritação entre os fãs de Malafia que não aceitam as acusações a ele dirigidas.

Por outro lado, aproveitando a situação, pessoas mal intencionadas têm publicado na internet imagens manipuladas para acusar Silas Malafaia de envolvimento com a Maçonaria.

Segundo o site Gospelprime, Malafaia ironiza a denúncia de envolvimento com a maçonaria e se expressa da seguinte forma:

“Se eu for da Maçonaria, só se a loja for na rua Montevidéo, 1191, e o grão-mestre é Jeová”, referindo-se ao endereço da sede da AD Vitória em Cristo, da qual é presidente.

Verdade ou não, ultimamente Malafaia tem sido alvo de muitas criticas, tanto por parte de políticos e Defensores da PL 122, como da ala mais conservadora da igreja que é completamente contra a teologia da prosperidade. Maçom ou não, polemico e ousado como é Malafaia, tem se tornado celebridade entre os evangélicos e eleito pela Revista Época como uma das 100 personalidades mais influentes do Brasil em 2011

Redação
Espaço gospel
COMPARTILHAR:

+1

1 Response to "O suposto envolvimento de Malafaia com a maçonaria."

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial